PÁGINA INICIAL MARLENE FORTUNA CURSOS LIVROS CONTATO

 

VIDA ARTÍSTICA

 

       Inclusão do nome Marlene Fortuna na ENCICLOPÉDIA DO TEATRO BRASILEIRO CONTEMPORÂNEO, organizada pelo escritor de arte Yan Michalski.

         Foto na capa do livro: Teatro Brasileiro - um panorama do séc. XX, de Clóvis Levy - FUNARTE - Rio de Janeiro.

       Foto na contra-capa do livro Brasil: palco e paixão. Um século de teatro. Rio de Janeiro, editor Leonel Kaz.

        Conheceu, desde muito cedo, as ribaltas do CIRCO, aliás, sua primeira e maior escola de atriz.
Trabalhou na COMPANHIA TEATRAL MARACANÃ, criada e dirigida por José Fortuna, seu pai. Com a Cia., percorreu o interior das principais capitais brasileiras, e algumas cidades da América Latina.

        Cursou a EAD (Escola de Arte Dramática), vinculada à Escola de Comunicações e Artes (ECA) da Universidade São Paulo (USP). Nela, atuou nas seguintes montagens: O despertar da primavera, de F. Wedekind, direção: Luiz Roberto Galízia; Os penitentes do Santo Cabrito, autoria e direção: Marcos Poleto; Forró no céu, Criação Coletiva, direção: Miriam Muniz; Os veranistas, de M. Gorki, direção: Sylnei Siqueira.

        Foi primeira atriz do Grupo de Teatro Macunaíma, atualmente, C.P.T. (Centro de Pesquisa Teatral) SESC/Consolação, Teatro Anchieta, sob a direção geral de Antunes Filho. Com este Grupo, percorreu várias nações da Europa, América, Ásia e Oriente Médio: Itália, França, Bélgica, Alemanha, Espanha, Holanda, Suíça, Inglaterra, Ilhas Canárias, Austrália, Grécia, Áustria, Estados Unidos, México, Canadá, Venezuela, Japão, Coréia, Israel (Tel Aviv e Jerusalém), participando como protagonista, dos mais importantes festivais de teatro do mundo. Espetáculos: Macunaíma (Mário de Andrade); Nelson Rodrigues o eterno retorno (Nelson Rodrigues); Nelson Dois Rodrigues (Nelson Rodrigues); Romeu e Julieta (William Shakespeare); A hora e vez de Augusto Matraga (Guimarães Rosa) e Xica da Silva (Luís Alberto de Abreu).

        Marlene Fortuna fez a preparação vocal do elenco de inúmeros espetáculos teatrais, de autores e diretores famosos. Citemos alguns: Prometeu acorrentado, Ésquilo, dir. Moisés Miastkwoski; As Troianas, Sófocles, dir. Moisés Miastkwoski; O melhor inimigo é o rei, Loppe De Veja, dir. Rubens Teixeira; Medeia, Eurípedes, dir. Ulisses Cruz; A Falecida, Nelson Rodrigues, dir. Gabriel Villela; Macunaíma, Mário de Andrade, dir. Antunes Filho; Nelson Rodrigues - o eterno retorno e Nelson Dois Rodrigues, dir. Antunes Filho; Romeu e Julieta, William Shakespeare, dir. Antunes Filho; A hora e vez de Augusto Matraga, Guimarães Rosa, dir. Antunes Filho; Xica da Silva, Luís Alberto de Abreu, dir. Antunes Filho.

        De 14 de Novembro à 21 de Dezembro de 2013 no Teatro SESC Santo Amaro/SP e de 23 de Janeiro à 07 de 2014 no Teatro FAAP/SP, foi apresentado o espetáculo: “Bola de Ouro”, de autoria de Jean-Pierre Sarrazac, tradução de Carolina Gonzalez e direção de Marco Antonio Braz. Marlene Fortuna atuou no papel da “Imóvel”. Atores: Celso Frateschi, Walter Breda, Marlene Fortuna, Luiz Amorim e Carolina Gonzalez.

voltar